Assembleia Nacional da Pastoral da Aids planeja ações para os próximos 3 anos

Teve início nesta quinta-feira, 28, e segue até o sábado, 30, em Porto Alegre/RS, a 4ª Assembleia Nacional e a 8ª edição do Seminário de Prevenção à aids. Os eventos são organizados pela Pastoral da aids, serviço de pastoral da Igreja Católica, que, desde 2002, contribui com respostas à epidemia das Doenças Sexualmente Transmissíveis.
O objetivo dos encontros é estabelecer um plano de ação para 2011 a 2013, que contemple as dimensões já trabalhadas no intuito de ampliar e qualificar sua atuação no enfrentamento da epidemia. Cerca de 100 pessoas de todas as regiões do país participam da Assembleia que refletirá durante três dias o tema “Reinventando caminhos para responder com eficácia”.
Para contribuir na reflexão desta quinta-feira, foram convidados Dirceu Greco, diretor de Departamento de DST, aids e Hepatites Virais e Vitor Fonseca, da Unidade de Doenças Sexualmente Transmissíveis, responsável pela articulação com as organizações não governamentais e movimentos. O evento terá continuidade na sexta-feira com a presença do frei Flávio Guerra e frei José Bernardi, que discutirão o Ensino Social da Igreja e Saúde; aids nos Documentos de Aparecida e da CNBB; Jeito pastoral de enfrentar a Epidemia da aids.

Ainda amanhã, 29, também estará presente no encontro o presidente da Pastoral da aids, dom Eugênio Rixen. O seminário encerra-se no sábado, 30, com o planejamento da ação e aprovação do plano de trabalho para o próximo triênio.

Entre os expositores que compuseram a mesa da abertura oficial do seminário, esteve Frei José Bernardi, secretário executivo da Pastoral da aids, representando o presidente da Pastoral e bispo da Cidade de Goiás/GO, Dom Eugênio Lambert Adrian Rixen; a representante do Fórum ONGs/Aids do Rio Grande do Sul, Tina Taborda; Padre Tarcisio Arsenio Rech, secretário executivo do Regional Sul 3 da CNBB/Rio Grande do Sul; Dirceu Greco, diretor do Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais, do Ministério da Saúde. Após exposição inicial, os presentes tiveram a oportunidade de dialogar sobre a realidade da Aids no Brasil: panorama, desafios e conquistas e os desafios do enfrentamento das DST na atenção básica.

Mais informações pelo telefone (51) 3346.6405.

Fonte: Daiane Bristot - Assessora de Imprensa CNBB Regional Sul 3

Nenhum comentário:

Postar um comentário