“Cartão Vermelho à Aids”

Por ocasião da 10ª edição dos Jogos Africanos, que é a maior prova desportiva da África, o Programa Conjunto da ONU sobre o HIV/Aids, Unaids, e o governo moçambicano, lançaram uma campanha especial de prevenção da doença. Os jogos vão até o dia 18 de setembro, e a campanha, denominada “Cartão Vermelho à Aids”, visa a mobilizar e engajar os atletas de 47 nações participantes do evento.
A iniciativa foi lançada em Maputo pelo diretor executivo do Unaids, Michel Sidibé, e o ministro da Juventude e Desportos de Moçambique, Pedrito Caetano.

A ação foi lançada pela primeira vez em 2010, no Campeonato Mundial de Futebol na África do Sul e, recentemente, no mundial de Futebol Feminino deste ano, na Alemanha.

A África é o continente com o maior número de infectados pela AIDS do mundo.

O “Cartão Vermelho à Aids” será apoiado pelo antigo Presidente moçambicano, Joaquim Chissano, também por Graça Machel, esposa do ex-presidente sul-africano Nelson Mandela, e atletas de renome do continente africano. (ONU/ED)

Nenhum comentário:

Postar um comentário